domingo, outubro 21, 2007

A Sopa 07/12

De volta.

Pela primeira vez, em mais de seis anos, A Sopa tirou férias: foram duas semanas sem publicar esse meu escrito de todos os domingos (ou segundas). Confesso que vinha cansado, sem ânimo e tempo para escrever como no passado, e que precisava de férias mesmo. Dessa forma, o ano 07 de publicação, em curso, terá duas edições a menos. Muda alguma coisa para você? Nem para mim...

Como dizia, quem estava há seis anos sem férias era A Sopa, e não eu. Eu saio de férias sempre que possível, e fazia um ano desde as minhas últimas, que foram de uma semana. Assim como A Sopa, eu também precisava parar um pouco.

Viajei, viajamos.

E parado é tudo o que não fiquei nas últimas duas semanas.

Saímos, o grupo composto por três casais, de Porto Alegre no dia 05/10, vôo às seis horas da manhã, em direção ao aeroporto de Guarulhos, de onde saímos às dezessete horas no vôo Air France direto para o aeroporto Charles de Gaulle. Lá mesmo pegamos o carro (Renault Trafic) em direção à Annecy, simpática cidade à beira do lago de mesmo nome, na região do Ródano-Alpes. Após uma pequena circulada ao redor do Mont Blanc, seguimos para o sul pela Itália até a Costa Azurra, Cote d’Azur, Provence, terminando – como não poderia deixar de ser – em Paris.

Seis pessoas viajando numa vã pelo interior da França. É possível imaginar a quantidade de histórias vividas, entre contratempos, piadas, trocadilhos infames (e que na hora nos fazem chorar de rir), etc. Aconteceu de tudo, podem estar certos. Desde as dificuldades mais absurdas vividas com a TAM na saída de Porto Alegre, a Sônia e suas pressa de chegar no aeroporto de Orly, a pequena altura dos estacionamentos subterrâneos da Europa, as estreitas ruas sem saída, até overbooking no vôo da volta. Tudo vira história e lenda.

E levado na esportiva, sempre sabendo que, logo ali na frente, passada a suposta tensão, daremos muitas risadas do fato, e que nada pode estragar uma viagem feita com amigos.

Nada.

Até.

PS – em breve, as histórias e as fotos.

Um comentário:

kaka disse...

Só tenho uma coisa a dizer:
MI TELEFONO NO, MI TELEFONO NO, MI TELEFONO NO.
Saudades, historias, risadas, e...
SOU BRASILEIRA!!!!!