segunda-feira, outubro 30, 2006

Day After

Eleições.

No Brasil, deu Lula.

No Rio Grande do Sul, Yeda.

Pronto. É hora de deixar de palhaçada e começarmos a trabalhar para, e torcer que as coisas melhorem. Ninguém precisa de inimigos na trincheira.

Como dizem, as urnas são soberanas. Então o presidente é o presidente de todos, gostem ou não. O mesmo vale para a governadora da nossa querência.

Até.

3 comentários:

Ana disse...

Ja conheci a Yeda numa palestra em Brasilia no Congresso.

Eu nao me importo com o resultado pra Presidencia nao. Estou ate aliviada.

Thais disse...

Bom, obviamente, não gostei do fato do lula ser reeleito.. por vários motivos. Mas pelo menos, no rio grande é a yeda... melhor que o olívio que já fez mta besteira no governo anterior.
E, aquele negocio do post anterior, vc disse que foi no Restaurante Copacabana.. Aquele ali da Venâncio com a Érico? o.o Fiquei impressionada...
Beijos

Allan Robert P. J. disse...

Sabe, às vezes o problema não são os que preferem inimigos na trincheira, mas cavar a trincheira para fazer-se inimigo.