quinta-feira, junho 09, 2005

Diário…

… de-um-quase-quem-sabe-tomara-que-sim-ex-sedentário.

Dia dois. Quem disse que o primeiro dia é o mais difícil? Quem?! Provavelmente alguém que não teve um segundo dia. Palhaço…

O segundo dia é pior que o primeiro, com certeza.

Começa logo ao acordar. Abrir os olhos e perceber que a gravidade aumentou. Cinco gê (5G), como se estivesse voando num F-16 à velocidade do som. Uma improbabilidade física, mas uma certeza. Ainda antes de sair da cama, a certeza que o melhor horário para ir para a academia tem que ser à tarde. Por que se dependesse da disposição naquele momento, não iria nem ao hospital. Aliás, nunca confie numa resolução tomada logo ao acordar. Pode não durar até depois do almoço, o que – neste caso – seria positivo.

O dia foi bastante trabalho, o que foi bom, pois “ativou a adrenalina” e fez voltar a disposição de continuar na luta contra o sedentarismo. Aí vieram as vozes dizendo “desista, desista”. Não desisti, e hoje voltei à academia.

Fui mais forte que a química. É, sério. Deixa eu explicar para vocês: à medida que passamos cada vez mais tempo sem fazer nenhuma atividade física, começa a circular em nosso organismo uma quantidade cada vez maior de sedentarina, um hormônio que faz com que você queira ficar cada vez mais tempo no sofá vendo TV comendo pipoca e sorvete. Dá a sensação de prazer nesta atividade. Prazer em ser sedentário.

É o contraponto à serotonina, hormônio liberado em diversas situações, atividade física entre elas, e proporciona prazer. Uma contrapõe outra. Elas lutam entre si para ver quem predomina. Uma vai ter que ganhar. E as vozes que nos pedem para desistir nada mais são do que um golpe baixo da sedentarina contra nós. Mas estou vencendo.

O meu medo agora é o terceiro dia.

UPDATE FUTEBOLÍSTICO - Hoje, o Brasil foi o Paraguai da Argentina...
Falo mais amanhã.

Ou não.

5 comentários:

Luh disse...

sedentarina? hu? HAHAHAHA
Ok, é isso entao! Ela que é a culpada por eu odiar exercicio fisico e nao levantar peso por nada nesse mundo.

Jacque Rizzolli disse...

PARABÉNS MEU ATLETA!!!!
ABAIXO A SEDENTARINA!!!ADRENALINA PURA!!!!!!
Estou triiiii orgulhosa de ti, meu atleta :D beijos e te adoro MUITO! jacque

Luly :) disse...

Ahhhh, com esse recadinho da Jacque, quero ver se vc vai desistir agora! Vc não vai ter CORAGEM DE DESISTIR! Hahahhaahha!

Bjo

Aninha disse...

Isso ai Marcelo! To orgulhosa de voce!

Eu fui a academia do condo no sabado, e parei rsrsrs Beijos

Jacque Rizzolli disse...

Meu bem, a Lully não sabe que fiz os elogios entusiasmados prá ti, mas também um pouquinho em causa própria.
Marido de Endocrinologista com "barriguinha" é sem perdão! Queima meu filme, né...não chega a ser tão "grave", mas funciona quase como se eu fosse uma esposa fumante de pneumologista!
Continue firme na malhação...logo logo vai ficar mais prazeroso que sacrificado...Beijins Jacque